A Tia Amparo era uma mulher de 90 anos que estava particularmente afectada pela morte recente do seu marido.
 

Ela decidiu suicidar-se e juntar-se a ele no além.
 

Pensando que o melhor para ela seria acabar rápido com o assunto, foi buscar a velha pistola do exército que pertencera ao seu marido e tomou a decisão de disparar um tiro no coração, já que estava destroçada pela dor da sua perda.
 

Não querendo falhar o tiro num órgão vital e tornar-se num vegetal e num fardo para os seus familiares, telefonou ao seu médico de família para lhe perguntar onde ficava exactamente o seu coração.
 

O médico respondeu-lhe:
 

- "Dona Amparo, que pergunta?!... O seu coração está exactamente debaixo do seu seio esquerdo" 
 

E foi assim que a querida tia Amparo... deu cabo do joelho!!!

 

 

pormenorizado por T às 12:00